Área de Expositor

«É o momento alto do aftermarket independente em Portugal»

Com o quadro do setor nacional do aftermarket a melhorar e um volume de negócios no pós-venda independente luso a rondar entre os 2,5 e os três mil milhões de euros, a realidade da 5.ª edição do expoMECÂNICAposiciona-o como o maior certame português de sempre deste segmento.

Na opinião de Joaquim Candeias, presidente da Divisão do Comércio Independente de Peças (DPAI) da Associação Automóvel de Portugal (ACAP) e um dos diretores da federação europeia (a FIGIEFA) que representa politicamente em Bruxelas os distribuidores da atividade, o expoMECÂNICA «veio trazer uma nova vida ao setor independente da pós-venda em Portugal com os eventos que já realizou, criando um espaço próprio, onde o mercado já se habituou a estar presente, que garante muito boa comunicação, mas essencialmente trouxe mais organização e profissionalismo a todos os que expõem, e a quem tem visitado as diferentes edições».

A assumir-se, cada vez mais, como um lugar de referência em termos de formação, qualificação e debate setorial, o certame da Kikai Eventos consegue também uma “distinção” a este nível.

«Desde a primeira edição do expoMECÂNICA, sempre existiu a preocupação de criar muita envolvência e mais-valia com a realização do evento, criando muitas ações paralelas de formação e esclarecimentos que enriqueceram o certame, e que o colocaram na posição que conseguiu conquistar. Penso que a feira é uma mais-valia para todos e é, garantidamente, um momento alto do aftermarket independente em Portugal», destaca Joaquim Candeias.  

E é, precisamente, uma proposta formativa que a ACAP/DPAI, numa parceria  Nova School of Business and Economics(no âmbito da 2ª Edição do Curso Avançado de Gestão da Universidade Nova), levará à feira. Assim, o Programa Avançado de Gestão para profissionais do pós-venda automóvel descentralizará um dos módulos formativos para o Salão, o de Comunicação, a realizar durante os dias 20 e 21 de Abril (sexta-feira e sábado).

Trata-se de mais uma iniciativa conjunta da ACAP/DPAI com a Kikai Eventos e que, certamente, trará mais «brilho e fulgor» à edição de 2018, remata o mesmo responsável.